Seminário São Vicente de Paulo

Seminário São Vicente de Paulo (site)

A vocação sacerdotal no Instituto Bom Pastor
 
O apostolado do Instituto pode se desenvolver em âmbitos diversos: Paróquias Pessoais, mas também capelanias, escolas, pregação de retiros, obras de caridade, etc. Tudo aquilo que serve para o bem das almas pode fazer parte do ministério de um padre do Instituto. Atualmente, o Instituto tem casas na França, na Itália, na Polônia, no Brasil e na Colômbia.
 
O Instituto Bom Pastor possui a sua casa de formação, o Seminário São Vicente de Paulo, na França, em Courtalain, cidade com aproximadamente 400 habitantes, na Diocese de Chartres (duas horas de Paris). A tranquilidade do local permite a vida de oração e de estudo da sagrada doutrina pelos seminaristas. A formação dura seis anos: um ano de espiritualidade ou propedêutica, dois anos de filosofia e três de teologia. Nesses seis anos, sob a guia do Doutor Angélico, os seminaristas estudam os tratados clássicos da Filosofia e da Teologia, mas abordam também os problemas contemporâneos e suas consequências práticas no âmbito dessas duas ciências. Ao longo desses anos, o candidato ao sacerdócio recebe a tonsura e as ordens menores e maiores, preparando-se, pouco a pouco, para receber o sacramento da ordem, a fim de oferecer quotidianamente o Santo Sacrifício da Missa e de administrar os outros sacramentos. Procura-se, então, no Seminário São Vicente de Paulo, unir a vida de piedade e a vida intelectual do seminarista, que são os dois pilares da santidade sacerdotal e do apostolado frutuoso.
 
O desejo de ingressar em um Seminário e de buscar a vida sacerdotal pressupõe uma vida cristã sólida, com freqüentação assídua dos sacramentos, com a aplicação aos deveres de estado, com o desejo de salvar as almas e o propósito de servir Deus e a Igreja inteiramente. O candidato deve levar uma vida moral coerente com o estado que almeja abraçar e deve ter também a aptidão intelectual para aprender a doutrina da Igreja, a fim de poder alimentar o rebanho que lhe será confiado.

Todo jovem católico deve considerar diante de Deus o estado de vida em que, concretamente, melhor pode servir a Deus. Não se trata de esperar um chamado extraordinário, mas de fazer uma escolha esclarecida, com sua inteligência e vontade movidas pela fé e pela caridade. Para isso, é preciso rezar bastante, sobretudo à Virgem Maria, consultar um bom diretor espiritual, e tomar a decisão com generosidade. Nesse processo de discernimento, caso a escolha se oriente para a vida sacerdotal, o candidato deve considerar com atenção a instituição ou a congregação que lhe permita melhor servir ao Senhor.
 
Os desejosos em servir Jesus Cristo e a Igreja como sacerdotes do Instituto Bom Pastor devem entrar em contato pessoalmente com um sacerdote do Instituto em uma das casas brasileiras (São Paulo/SP, Brasília/DF ou Belém/PA). 

Please publish modules in offcanvas position.